12 de dezembro de 2018

Marisa Cristina Roehrig, fisioterapeuta que cuida do corpo e das emoções

Algumas vezes o segredo do sucesso e da realização está diante dos olhos. Ter sensibilidade para perceber é que definirá seu futuro. Marisa Cristina Roehrig sabe bem disso. Ainda quando era adolescente precisou passar por sessões de fisioterapia e foi quando descobriu não apenas os benefícios do tratamento, mas também a sua profissão e a sua realização profissional.

Formada em fisioterapia pela Urcamp, Marisa especializou-se em Osteopatia e Quiropraxia, além de se tornar mestre em Reiki e Hipnoterapia Clínica. Para conseguir realizar o sonho de tornar-se fisioterapeuta, Marisa contou com o apoio incondicional de seus pais, que durante todo esse período não mediram esforços para que ela realizasse esse objetivo. Filha de pequenos agricultores, Marisa reconhece hoje todo o esforço, carinho e dedicação de seus pais para seu sucesso profissional.

A paixão de Marisa pelas suas duas áreas de atuação surgiu de experiências próprias que mudaram sua vida e sua percepção. “Meu primeiro contato com a fisioterapia foi na adolescência quando precisei do tratamento de fisioterapia. Fiquei encantada com os recursos utilizados para alívio da dor e como as técnicas me ajudaram. Após isso, procurei saber mais sobre a atuação do profissional nesta área e decidi investir na profissão. Da mesma forma foi com a Terapia de Reiki, procurei o tratamento da terapia complementar e me ajudou tanto que resolvi fazer a formação para tornar meu trabalho ainda mais completo”, conta a profissional.

Atualmente Marisa atende em Não-Me-Toque e Lagoa dos Três Cantos com um trabalho focado em oferecer bem-estar e qualidade de vida para as pessoas. Com atuação tanto na parte preventiva como na reabilitação, para Marisa a fisioterapia é mais que uma profissão, é uma ferramenta para melhorar a vida das pessoas.

Com uma longa atuação no mercado, Marisa se inspira com resultados obtidos durante a fisioterapia, seja no alívio da dor, na reabilitação ou no reconhecimento das pessoas pelo trabalho realizado. “Uma das melhores partes do meu trabalho é a melhora do paciente e seu reconhecimento, saber que dentre inúmeras técnicas, recursos, você escolheu as melhores e as certas para aquela ocasião é gratificante”, afirma Marisa.

Uma profissional engajada e responsável, Marisa busca dar a atenção devida ao paciente que procura qualquer uma de suas formações, pois acredita que a atenção e ouvir o que a pessoa tem a dizer é um grande passo para a recuperação. Além disso, a fisioterapeuta também busca estar em constante aperfeiçoamento, pois para ela um dos grandes desafios de sua profissão é manter-se atualizada e atender as demandas que exigem bastante do profissional, tanto física quanto emocionalmente.

Uma mulher realizada em sua profissão, Marisa afirma que suas duas formações preenchem sua vida. “Hoje a fisioterapia e a Terapia de Reiki completam minha vida, pois posso trabalhar problemas físicos e também auxiliar através da terapia complementar no lado emocional das pessoas.”

Apaixonada pela sua atuação, a fisioterapeuta considera por vezes difícil conciliar as tarefas de mãe, mulher e profissional, mas acredita que cada vez mais a mulher vem se destacando pela sua capacidade, persistência e dedicação em suas diferentes áreas. Para ela, o grande diferencial da mulher é o sentimento que coloca no seu trabalho, a empatia para com os outros e o desejo de sempre dar o melhor de si.

Deixe seu comentário
WhatsApp chat