19 de fevereiro de 2019

O Ho’oponopono

O Ho’oponopono é uma sabedoria Kahuna (Haviana) que ensina que tudo é vibração e ao repetirmos as quatro frases: Sinto Muito, Me Perdoe, Te Amo e Sou Grata, vamos alinhando a energia e assim, automaticamente harmonizando a consciência e os relacionamentos.

É uma técnica simples que consiste em manifestar a intenção de resolver algo que esteja em desarmonia, ou seja, corrigir o erro ou tornar certo, permitindo que o praticante assuma a responsabilidade da sua própria vida.

O princípio básico do Ho’oponopono é ser 100% responsável pela sua própria vida. Alguns questionam (ou duvidam) sobre a responsabilidade e o fato de não aceitar ser responsável quando algo ou alguém lhe atinge, mas justamente é esse o entendimento libertador do Ho’oponopono, quando atribuímos a responsabilidade a si mesmo, compreendendo que ninguém mudará ninguém, mas que com a prática do mantra irá mudar a si mesmo.

Como somos parte do Todo, somos seres divinos, o que visualizamos nos outros é um reflexo do que está em nós mesmos, assim, é com a prática do Ho’oponopono que alinhamos o  foco da nossa própria vida, mudamos e limpamos o que está em nós, promovendo a limpeza de padrões, memórias e crenças em vários níveis de consciência e como consequência positiva, mudamos a própria vibração.

Quando dizemos “sinto muito” estamos assumindo a responsabilidade dos nossos atos e demonstrando vontade em mudar. Quando dizemos “me perdoe” estamos mostrando o arrependimento, o sentimento que leve à limpeza e a libertação. Quando dizemos “eu te amo” estamos emanando a própria energia positiva e essencial para desbloquear os pensamentos não bons que estavam na mente. E quando dizemos “sou grato” manifesta o agradecimento pelo fato de existirmos aqui e agora e a possibilidade incrível de perceber o sentimento existente, permite de fato a mudança de vibração.

Exemplo disso é o próprio pedido de perdão. Ao pedir perdão a si mesmo por estar sentindo o que está sentindo, se for sentimentos de dor, carência, tristeza, fraqueza, incapacidade, orgulho, raiva, inveja, medo, ansiedade, carência, baixa estima, etc. ainda que o sentimento negativo seja ocasionado por situações externas, a energia do mantra irá proporcionar a cura  a partir da compreensão de que tudo é um reflexo do seu Eu e das suas próprias memórias, conscientes ou inconscientes. O processo de perdoar é a libertação, inclusive das memórias das pessoas e das energias envolvidas na situação, e quando isso ocorre, liberamos novos caminhos nos tornando positivos.

O Ho’oponopono vai além das palavras, orações e meditações, porque com amor e perdão vamos nos libertar de situações e pessoas negativas.

Para praticá-lo não existe regra, não é necessário processo de meditação, embora se feito assim, se terá mais e melhores resultados. Pode ser praticado de forma mântrica, ou ouvir e repetir a oração original. O Ho’oponopono é justamente para quem tem algum fator da vida em desalinhamento, seja em relacionamentos familiares, afetivos, financeiros, saúde, entre outros. Não há contraindicação, exceto: a de não praticar. E quantas vezes quiser fazer. Agora, se você leu até o final e não fez sentido e sua vida está em pleno alinhamento com a vibração de amor e alegria, concluímos: você é tudo, continue assim e seja sempre feliz, só não julgue o que foi apresentado aqui!

Matéria de Silviane Estery (texto com fundamentos retirados dos livros o Limite Zero e Marco Zero de Joe Vitale e os e-books Ho’oponopono o Caminho do Amor e 62 perguntas sobre Ho’oponopono de Maria Silvia Orlovas).

Matéria escrita por Matéria de Silviane Estery

Diretora da empresa Roster, estudante e palestrante do autoconhecimento e da espiritualidade*Texto com fundamentos retirados dos livros o Limite Zero e Marco Zero de Joe Vitale e os e-books Ho’oponopono o Caminho do Amor e 62 perguntas sobre Ho’oponopono de Maria Silvia Orlovas

 

Deixe seu comentário
WhatsApp chat