28 de setembro de 2018

Terapeuta Rosângela Warken Flores fala sobre Constelações Familiares

A Constelação Familiar tem como princípio liberar os indivíduos de seus medos, carências, destinos difíceis, traumas, relações problemáticas, entre outras. Todas essas tensões do presente têm origem no passado. Entrar no mundo das Constelações Familiares é como mergulhar em uma aventura, utilizando a alma como veículo.

De todos os sistemas existentes, a família é o mais forte. Esse sistema, como qualquer outro, possui suas regras para poder funcionar corretamente, que, se não respeitadas, se transformam em assunto complexo e doloroso, que necessitará ser olhado e ordenado. Segundo Bert Hellinger, o sistema familiar se rege por três leis básicas, que são elas: o pertencimento, a ordem e o equilíbrio.

A Lei do Pertencimento existe em torno de nossa linhagem. Somos pais, filhos, netos e assim por diante, de uma rede de muitas gerações. Muitas vezes não os conhecemos, nem seus destinos, mas é comum que essas histórias influenciem na nossa vida. O desafio que a lei do pertencimento propõe é reconhecer os integrantes de nossa família, sem julgamento. Independente das ações e de culpas, pois todos fazem parte e não podemos negar a eles o direito de pertencer.

A Lei da Ordem é a hierarquia familiar. São nossos pais, os pais dos nossos pais, e todos que vieram antes de nós na linhagem familiar. Através deles, nós estamos aqui. Se essa ordem não for respeitada, o sistema sofre consequências negativas, sejam financeiras, sentimentais ou até mesmo enfermas. Devemos respeitar quem chegou antes de nós.

A Lei do Equilíbrio refere-se ao dar e receber. Todos temos a capacidade de troca. Quando há desequilíbrio na troca, as relações tendem a naufragar. Relações equilibradas, onde ambas as partes compartilham mutuamente, dando e recebendo o que cada um é capaz, são relações que promovem amadurecimento, liberdade e bem-estar.

As Constelações Familiares são um convite para trilhar um caminho de amor e compreensão para dentro das complexidades do nosso sistema familiar e, assim, resolver os emaranhamentos existentes.

 

Matéria escrita por Rosângela Warken Flores

Consteladora Sistêmica Familiar

Terapeuta

Realiza Arteterapia | Terapia Familiar | Constelações Familiares

 

Deixe seu comentário
WhatsApp chat